Não é amor, é costume. E se a gente acostumou com, a gente acostuma sem.